Por que um MEI deve contratar um serviço de contabilidade

contabilidade para Mei

Em primeiro lugar, vamos entender um pouco o que é o MEI ou Microempreendedor Individual? MEI é um modelo simplificado de empresa, voltado para pequenos empreendedores e profissionais autônomos.

O principal beneficio do MEI é que tem menos obrigações contábeis e paga menos impostos. Porém, não pode deixar de dar uma atenção especial à contabilidade para MEI.

E embora a contabilidade para Microempreendedor Individual seja relativamente simples em comparação com empresas maiores, é preciso separar as contas da empresa das contas pessoais.

Além disso, é necessário estar com os dados de faturamento em dia para fazer os lançamentos e ainda existem obrigações e regulamentações fiscais que devem ser cumpridas.

Segundo a Secretaria de Competitividade do Ministério da Economia, mais de 70% das empresas ativas no Brasil são do tipo MEI e desses, mais de 80% possuem alguma pendência com o fisco.

MEI precisa de Contador?

Mei precisa de contador

A resposta rapida é não. No entanto, o empreendedor precisa estar com os dados de faturamento em ordem para proceder com a contabilidade do negócio.

Portanto, abrir um MEI pode ser uma armadilha para quem não têm conhecimento de suas obrigações como Microempreendedor Individual, e pode acarretar problemas futuros para si próprio.

Além disso, é fundamental compreender que a falta de organização corporativa pode acarretar consequências negativas.

A ausência de registros financeiros consistentes pode resultar em inconsistências na declaração de impostos e levantar suspeitas por parte dos órgãos fiscais.

A educação financeira e a compreensão das obrigações tributárias ajudam a evitar problemas futuros e a manter o negócio em conformidade com a legislação vigente.

Portanto, o MEI tem que estar ciente dos riscos envolvidos na falta de organização.

Principais Obrigações do MEI

  • Pagamento do Imposto Mensal EM DIA: O imposto mensal do MEI é conhecido como DAS(Documento de Arrecadação do Simples Nacional) e o seu vencimento é todo dia 20 de cada mês. Vale lembrar, que mesmo se o MEI não estiver em funcionamento o imposto é gerado todos os meses e precisa ser pago e se não houver os pagamentos em dia pode perder o direito aos benefícios que precisar solicitar por exemplo receber aposentadoria e auxílio maternidade..
  • Declaração de Faturamento Anual: Anualmente, o MEI precisa prestar contas à Receita Federal quanto ao seu faturamento.
  • Emissão de Nota Fiscal: O MEI é deve emitir nota fiscal SEMPRE que realizar negócios com outra pessoa jurídica.
  • Não Ultrapassar o Limite de Faturamento: Para ter esse controle o MEI precisa preencher um relatório de receitas mensais e fazer o seu acompanhamento.

A contabilidade é um instrumento muito importante para o desenvolvimento dos negócios dos microempreendedores individuais. 

Principais Benefícios para o MEI ter uma contabilidade

  1. Redução de erros: Um contador experiente pode ajudar a evitar erros contábeis que podem levar a multas e penalidades. Eles têm conhecimento atualizado sobre as regulamentações fiscais e podem garantir que todas as suas transações e registros estejam corretos.
  2. Documentos comprobatórios Arquivados: Ao enfrentar uma auditoria fiscal ou fiscalização, ou até mesmo desejar participar de alguma licitação, ter um serviço de contabilidade o ajudará. 
  3. Suporte Técnico: Quando surgem dúvidas sobre seus direitos/obrigações provavelmente você procura horas na internet e às vezes não encontra a resposta que precisa.  
  4. Economia de tempo: Lidar com questões contábeis pode ser demorado, especialmente se você não tem experiência na área. Contratar um serviço de contabilidade permite que você profissionais cuidem das suas obrigações contábeis.
  5. Empréstimos bancários direcionados: Alguns bancos públicos são apoiadores do MEI e, por conta disso, disponibilizam linhas de crédito especiais para essa categoria. Com isso, quem é microempreendedor individual pode contratar empréstimos a taxas e juros diferenciados, e utilizar da melhor forma que for possível para o utilizar da melhor forma possível para o crescimento do negócio.

Para liberar esse crédito normalmente os bancos vão lhe pedir o DECORE que é um Documento contábil destinado a fazer prova de informações sobre percepção de rendimentos, em favor de pessoas físicas, cuja emissão é feita exclusivamente por profissionais da contabilidade em situação regular perante aos Conselhos Regionais. O DECORE só será emitido se o faturamento for real, com comprovação contábil e técnica, pois é fiscalizado pelo Conselho Regional de Contabilidade e nenhuma contabilidade irá emitir esse documento sem a devida comprovação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *