Boleto falso: 4 dicas para não cair em um GOLPE!

organograma indicando passos básicos

Você já caiu no golpe do boleto falso?
Essa é uma prática realizada por criminosos que fazem cópias de documentos de cobrança como se fossem verdadeiros para que o pagamento da vítima caia na conta bancária do bandido.

De acordo com dados da FEBRABAN (Federação Brasileira de Bancos), durante a pandemia, esse tipo de golpe cresceu 45% no país. E o perigo se torna ainda maior porque os fraudadores estão cada vez mais detalhistas e aprimorando as fraudes mais comuns.

A boa notícia é que existem maneiras de se prevenir, e é sobre elas que vamos falar neste artigo. Continue a leitura e descubra alguns dos sinais que indicam o golpe do boleto falso e saiba como não se tornar uma vítima desse tipo de armadilha. Vamos lá?

 

1. Código de barras e beneficiário duvidoso:

É possível identificar algumas características peculiares nos boletos falsos que podem ser verificadas por quem está em dúvida se o documento é ou não verdadeiro.

Comece conferindo se os últimos dígitos do código de barras correspondem ao valor a ser pago e se o nome do beneficiário está de acordo com o seu emissor. Caso sejam diferentes, o boleto não é verdadeiro. E se a cobrança for uma conta recorrente, como a de energia elétrica, água, mensalidade escolar e afins, duvide de qualquer alteração.

Verifique, ainda, se os primeiros dígitos do código de barras coincidem com o código do banco emissor. O código da Caixa Econômica Federal, por exemplo, é 104. É possível consultar a numeração de todas as instituições bancárias no site da FEBRABAN.

2. Verifique o remetente:

É importante estar atento aos dominios utilizados caso o boleto tenha sido enviado via e-mail. Neste caso, nossos boletos são sempre enviados pelos domínios @mcassociados.com.br ou @contaazul.com no remetente. 

3. Utilize antivírus:

Certifique-se que seu computador e smartphone esteja com um antivírus instalado e devidamente atualizado. Existem vírus, que são capazes de alterar o código de barras de um boleto. Mesmo se ele for baixado de um site seguro, o valor pago vai direto para a conta do criminoso. Para evitar isso, proteja dispositivos, como seu computador, e smartphone. Além disso, evite utilizar Wi-Fis públicos para esta finalidade, para que não tenham acesso aos seus dados e às suas transações financeiras.

4. Na dúvida, pergunte:

Como o golpe do boleto falso tem sido cada vez mais frequente, o mais indicado é dar prioridade para pagar o documento emitido direto no site da instituição, já que vias físicas têm mais chances de ter sido adulteradas. Em caso de dúvidas sempre enntre em contato com o emissor do seu boleto.

Ainda vale salientar que apesar destes 4 passos básicos golpes ainda podem acontecer, por isso iremos te dar mais algumas dicas. É preciso ficar atento tambem ao receber informações do seguinte teor:

⇨ Ofertas muito lucrativas

⇨ Declaração de ganhadores de prêmios e viagens

⇨ Mensagens com senso de urgência

⇨ Ameaças como “seu serviço será suspenso se…” ou “sua conta foi bloqueada

⇨ Links externos

⇨ E-mail de desconhecidos

Desconfie de links recebidos por e-mail, SMS ou redes sociais com informação de bloqueio de conta ou senha, convites para cadastramento de chaves Pix, cobranças não reconhecidas, promoções imperdíveis e de resultados de sorteios e pontuação em programas de relacionamento.

Verifique se o domínio do link é o oficial do banco e só instale aplicativos fornecidos pelas lojas oficiais Apple Store e Play Store.

Confira se há um pequeno cadeado ao lado do endereço eletrônico. Ele indica que a página é segura, assim como o endereço iniciado com https://.

Nunca repasse informações confidenciais, como senhas, em sites desconhecidos ou apps diferentes dos oficiais.

Lembre-se! Caso suspeite de uma página falsa ou um link suspeito entre em contato por outra via de comunicação até ter certeza de que está seguro.

Curtiu nosso conteúdo? comenta aqui se já caiu em algum golpe como esse e como você percebeu!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.